Caro leitor,

Qual é a maior obra da engenharia que você conhece?

Alguns dizem que as pirâmides podem ser vistas do espaço. Mito ou verdade, uma coisa é certa: elas são um incrível feito arquitetônico.

Buscando ser lembrado pela eternidade, o faraó Quéops mandou construir a maior pirâmide do Egito, por volta de 2.500 a.C.

E assim foi feito. Durante 20 anos, 100 mil homens ergueram 2,3 milhões de blocos de rocha para formar a Grande Pirâmide de Gizé, com 139 metros de altura.

Quéops foi sepultado em sua própria pirâmide, junto de seus pertences e tesouros.

Esse costume da época era para que os faraós – seres especiais enviados pelos deuses à Terra – passassem para o outro mundo com tudo aquilo que lhes poderia ser útil.

O problema é que a tumba de Quéops foi saqueada apenas duas semanas após sua morte, comprometendo sua tão desejada “imortalidade”.

Com Tutancâmon foi diferente.

O conhecido faraó, que morreu aos 19 anos de idade, percebeu que a ação de saqueadores estava se tornando cada vez mais comum. Por isso, construiu uma tumba subterrânea, bem escondida e muito mais segura.

Essa tumba foi encontrada intacta com centenas de objetos e tesouros preservados por 3.000 anos…

Até seu corpo estava conservado.

Mas por que afinal estou contando essa história?

Porque ela nos ensina algo valioso: a importância de se ter uma boa estratégia para preservar o patrimônio ao longo dos anos.

Pense no seu caso.

Será que os seus recursos estão realmente protegidos?

É claro que a ideia não é levar bens materiais para outra vida, como pretendiam os faraós, mas por que não construir um patrimônio sólido o bastante para ser aproveitado até pelos seus descendentes?

Como você está cuidando de seus investimentos?

Como Quéops ou Tutancâmon?

Você já deve saber que está em curso um importante momento de ruptura econômica no Brasil.

Como consequência, os investimentos que mais se valorizaram nos últimos anos poderão despencar nos próximos dias.

Trata-se de um risco iminente que atingirá a todos os investidores. Inclusive a você e à sua família.

Absolutamente ninguém está imune. Nem mesmo quem já construiu sua fortuna.

Por isso, mesmo que você acredite estar seguro, preciso alertá-lo: seu patrimônio corre um grande risco.

Por quê?

Seu dinheiro pode ser “saqueado” em alguns dias, como aconteceu com o faraó Quéops.

Mas, calma.

Assim como Tutancâmon preservou suas riquezas em um abrigo subterrâneo, você também poderá proteger seus recursos em um local seguro.

Como?

Basta investir no que estou chamando de…

O Trade do Faraó

O Trade do Faraó é o abrigo que você precisa para enfrentar a mudança de cenário.

Além de preservar seus recursos, você ainda poderá ganhar muito dinheiro com o Trade do Faraó.

Afinal, esta mudança de cenário está abrindo uma enorme janela de oportunidades…

Uma verdadeira transferência de riqueza.

Quem estiver preparado para enfrentar as mudanças de cenário será muito bem recompensado.

Se você quer ser o Tutancâmon dos investimentos, prossiga a leitura.
Caso queira ser o Quéops das finanças, sugiro que pare a leitura por aqui.

Pense bem…

Fico feliz por ter prosseguido na leitura. Esta é sua chance de multiplicar seu patrimônio com segurança.

Veja como você pode ganhar com esta janela de oportunidades…

A história recente já nos mostrou que, quando as taxas de juros Selic estão em trajetória de queda – como agora –, um determinado investimento tende a se valorizar bastante.

Quanto maior for a queda da Selic – que hoje está em 10,15% – maior será a alta desta classe de ativos.

Fonte: Valor Econômico

Desde a aprovação da PEC do Teto dos Gastos Públicos, a expectativa do governo de Michel Temer é de que o Banco Central reduza ainda mais os juros.

Fonte: G1, 03/07/17

Veja o que aconteceu num passado recente quando os juros caíram:

O gráfico abaixo mostra a correlação entre o segmento que será valorizado (laranja) e a taxa de juros futuro da economia (branco).

Fonte: Bloomberg

Note que eles praticamente andam na contramão.

Quando a linha laranja cai, a branca sobe. E vice-versa.

A linha branca é a expectativa para a taxa de juros futuras.

Sabe qual é a classe de ativos da linha laranja?

São os Fundos Imobiliários (FIIs).

Comparando, os Fundos Imobiliários são o abrigo de Tutancâmon, e a taxa de juros é pirâmide de Quéops que está sendo saqueada.

Como vimos no passado, muitos Fundos Imobiliários se beneficiarão com a queda da Selic, isso é consenso de mercado.

Mas, de acordo com meus estudos, existe um Fundo Imobiliário que tem tudo para se destacar dos demais

O Trade do Faraó

Com o recente fim da alta na Selic, entramos numa nova fase de crescimento dos Fundos Imobiliários.

Veja que após anos de queda na rentabilidade, o IFIX (Índice de Fundos Imobiliários) iniciou a reversão de tendência em 2016.

Aqui fica claro que o movimento de valorização dos FIIs já começou.

Dados: Anbima (Abril/2017)

Dados: Anbima (Abril/2017)

E, quando a taxa de juros Selic caírem mais – e poderá ser rápido –, os ganhos dos FIIs serão ainda maiores.

Teremos o seguinte cenário: juros baixos e FIIs nas alturas.

Com o novo ciclo de queda dos juros, a mídia especializada vem noticiando a oportunidade de ganhar com os FIIs…

Fonte: Exame, 21/09/2016

Fonte: Estadão, 26/06/2017

Fonte: InfoMoney, 10/02/2017

Dado que o cenário é de queda de juros e, consequentemente, de valorização dos Fundos Imobiliários, em qual FII você deve investir?

Vale destacar que não basta investir em qualquer FII para multiplicar seu capital com segurança.

Por isso, recomendo fortemente que você invista no Trade do Faraó. Segundo nossos estudos, trata-se do melhor FII do mercado, com maior possibilidade de ganhos extraordinários.

Mas por que investir em um fundo imobiliário em vez de comprar um imóvel físico? É o que vou lhe mostrar agora…

Por influência da colonização portuguesa, o investimento em imóveis se tornou um dos preferidos pelos brasileiros ao longo dos anos.

Afinal, ele é seguro, possibilita uma renda de aluguel e o investidor ainda pode ganhar com a valorização do imóvel.

Contudo, o imóvel físico apresenta duas características que tornam o investimento acessível a poucas pessoas: (i) liquidez reduzida; e (ii) alto custo.

Quem já negociou um apartamento, por exemplo, sabe que não é tarefa simples ou rápida.

Apesar de potencialmente lucrativo, é um processo burocrático que pode levar meses. Fora os possíveis custos com intermediários (corretores e advogado), e taxas de cartório/impostos.

Além disso, o custo do metro quadrado nas grandes cidades não é para qualquer um.

De acordo com o índice FipeZap, o ranking de preço dos imóveis físicos é o seguinte…

Ou seja, um imóvel de 100 m² custa aproximadamente…

R$ 1.0371.000 no Rio de Janeiro;

R$ 861.700 em São Paulo;

R$ 855.800 em Brasília.

Na média nacional, R$ 761.500.

 

Quantas pessoas têm condições de investir de R$ 700 mil a R$ 1 milhão em um único ativo?

Pouquíssimas, não é mesmo?

É por isso que o imóvel físico não se encaixa na Tríade da Riqueza.

Você já ouvir falar dela?

Para um investimento ser completo, precisa atender a três condições:

O conceito da Tríade da Riqueza se aplica a todas as classes de ativos. Renda Fixa, Imóveis, Fundos, Ações etc.

Porém, se um ativo não reunir essas três características, atenção.

Você estará correndo um risco maior ao investir nele.

Por isso, cuidado redobrado…

Se um investimento for líquido e rentável, mas não oferecer segurança, não é completo.

Ou se for líquido e seguro, mas não for rentável, também não é uma boa escolha para você.

Caso seja seguro e rentável, mas não oferecer liquidez, pode ser um problema.

É como um tripé, só sustenta se tiver os 3 apoios.

Como vimos há alguns instantes, o imóvel pode ser rentável e seguro, porém não apresenta liquidez.

Se o imóvel físico definitivamente não se encaixa no conceito de Tríade da Riqueza, como deve agir quem gosta de investir em imóveis?

Uma solução inteligente para quem gosta de imóveis, mas não quer abrir mão da liquidez é investir em Fundos Imobiliários – em especial, no Trade do Faraó.

Os FIIs em geral reúnem todas as características de um investimento completo: Segurança, Rentabilidade e Liquidez.

Por isso, logo se tornaram o queridinho do investidor pessoa física assim que foram lançados há alguns anos.

Estamos falando de um mercado gigantesco.
No total, são R$ 71,7 milhões de patrimônio líquido, de acordo com a Associação das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima), somente em abril de 2017.

E o setor deve se aquecer ainda mais nos próximos anos.

Afinal, as vantagens de investir em Fundos Imobiliários vão muito além da Tríade da Riqueza

1. Baixo valor de entrada

Os Fundos Imobiliários são acessíveis a todos.

Enquanto um imóvel físico bem localizado custa de seis a sete dígitos, geralmente, uma cota de Fundo de Investimento pode ser adquirida por uma quantia bastante inferior.

Você pode investir no Trade do Faraó, por exemplo, com cerca de R$ 100.

E o melhor é que além de acessível, a negociação de um FII é muito fácil…

 

2. Praticidade e Transparência

Como os Fundos Imobiliários são negociados na Bolsa, via corretora, tanto o comprador quanto o vendedor podem acompanhar as cotações em tempo real.

E, com alguns cliques, é possível concluir a operação via smartphone ou computador, assim como acontece com o Trade do Faraó.

Outra vantagem do FII é a indispensável liquidez…

 

3. Liquidez

Enquanto um imóvel físico costuma levar meses para ser negociado, os FIIs podem ser comprados ou vendidos em instantes.

O valor das cotas de cada FII é atualizado diariamente, de acordo com a oferta e demanda do ativo naquele momento.

A propósito, o Trade do Faraó é um dos FIIs mais líquidos e negociados do mercado.

Além da liquidez, outra vantagem fundamental é a segurança…

 

4. Segurança

Investir em um Fundo Imobiliário pode ser considerado mais seguro que investir em um imóvel físico.

Além de o investidor ter a cota correspondente ao seu investimento registrada em seu nome, existe uma vantagem adicional…

A de não responder pessoalmente por qualquer obrigação legal ou contratual do administrador ou relativa aos imóveis integrantes do fundo.

E tem mais… O Trade do Faraó conta com a auditoria independente da Ernest & Young, que é respeitada no mundo inteiro.

Em que outro investimento você pode ser dono de uma parte de um ativo bilionário, bem localizado e com enorme potencial de valorização, sem os passivos legais?

 

5. Diversificação

Outro diferencial dos FIIs é a diversificação.

Existem Fundos Imobiliários com ativos de edifícios comerciais, shopping centers, galpões logísticos, hospitais, instituições de ensino, entre outros.

Como os FIIs costumam ser compostos por mais de um imóvel físico, mesmo que você invista em apenas um Fundo Imobiliário, possivelmente já estará diversificando e minimizando riscos.

O Trade do Faraó é composto por mais de 10 imóveis de escritórios localizados principalmente em São Paulo e Rio de Janeiro. Os imóveis são concentrados em edifícios comerciais corporativos de alta qualidade (Classe AAA e A) e locados por grandes empresas nacionais e multinacionais.

Se diversificar é importante, ter uma boa rentabilidade é melhor ainda…

 

6. Rendimentos Periódicos

Ao comprar cotas de um Fundo de Investimento Imobiliário, o investidor recebe rendimentos periódicos (geralmente mensais).

Para quem gosta de uma renda extra, o Trade do Faraó é uma ótima pedida.

Estimamos um rendimento a partir de 10% ao ano, corrigidos pela inflação.

Um ganho consideravelmente maior que o aluguel de um imóvel físico, que geralmente corresponde a 0,3% a 0,5% do valor do imóvel por mês, ou 6% ao ano, sendo otimista…

 

7. Vantagem Tributária

Outra grande vantagem de investir em FII é o benefício fiscal.

Esse “aluguel” recebido periodicamente na conta vem com um ótimo benefício fiscal.

De acordo com a Lei 11.196/05, os rendimentos são isentos de Imposto de Renda (IR), se atendidas algumas condições simples, como acontece no Trade do Faraó.

Tá, existe o benefício fiscal, mas quem escolhe os ativos que fazem parte dos FIIs?

É o que você vai entender agora…

 

8. Gestão Profissional

Outra vantagem do FII é a gestão profissional.

Ao comprar um imóvel físico, você é o responsável por administrá-lo em todos os níveis, desde contratos com imobiliárias e/ou locatários até reformas e problemas como inadimplência ou vacância, por exemplo.

Investindo em um FII, essa parte burocrática fica a cargo de uma equipe de gestão do fundo. Como ela fará acordo com grandes empresas ou focará na boa diversificação, o risco é minimizado. Por risco, entenda calote ou inadimplência, que é altíssimo nos imóveis físicos.

O management do Trade do Faraó adota uma gestão ativa de sua carteira baseada em sólidos critérios de governança corporativa.

Como você acabou de ver, investir em FIIs pode ser mais vantajoso que comprar imóveis fixos, por diversos motivos…

Baixo risco de entrada, praticidade, transparência, diversificação, liquidez, vantagem tributária, gestão profissional.

Mas será que eles são realmente rentáveis?

Antes de analisarmos a rentabilidade dos FIIs, precisamos enfatizar um ponto.

Investindo em um bom FII, você pode ganhar duas vezes.

É isso mesmo.

Além dos rendimentos mensais, o investidor também pode ganhar com a valorização das cotas.

Na prática, você ganha dinheiro vendendo suas cotas por um preço maior que o de compra, assim como ocorre na negociação de ações na Bolsa.

Mas será que FIIs no geral são investimentos mais rentáveis que as ações, por exemplo?

Nos últimos anos (2011-2016), o índice de Fundos Imobiliários teve uma rentabilidade mensal maior que a do índice Bovespa.

Comparação FIIs (branco) x Ações (laranja)

Fonte: Bloomberg. 

Até aqui vimos que os Fundos Imobiliários contam com muitos benefícios e podem ser bastante rentáveis.

Mas talvez você não tenha o conhecimento necessário para identificar os melhores Fundos Imobiliários, nem tempo. Afinal, são mais de 130 FIIs disponíveis no mercado.

Se montar uma boa carteira de FIIs não é simples, imagine então acertar qual é o Fundo Imobiliário do momento….

A propósito, tenho recebido inúmeros e-mails nesse sentido, como esse do Marcos…

“Se você tivesse que recomendar apenas um Fundo Imobiliário, qual seria?”

Após meses de pesquisa, análises e estudos, identifiquei o FII de maior potencial do mercado.

A chance de ganho é tamanha, que estou chamando essa oportunidade de O Trade do Faraó.

Aquela que será um marco em sua história financeira.

O investimento que trará um legado para você e sua família.

Por que acredito que o Trade do Faraó é o melhor investimento que você pode fazer hoje?

Por diversos motivos. Vamos a eles:

  • É um dos Fundos Imobiliários mais sólidos e respeitados do Brasil;
  • Conta com edifícios corporativos de alto padrão em São Paulo e no Rio de Janeiro;
  • O Fundo está procurando pechinchas em um dos segmentos mais caros do mundo;
  • Seu plano de expansão abrange fundos “rivais” com ativos negociados a preços descontados após a queda do valor dos aluguéis e a disparada da vacância de imóveis;
  • Existe uma boa demanda latente. Os inquilinos dos escritórios menos glamorosos estão aproveitando os aluguéis mais baixos para se mudar para edifícios mais luxuosos;
  • O Fundo está sendo negociado abaixo do valor dos ativos que detém. Uma desvalorização das cotas a essa altura é algo improvável;
  • Há um enorme potencial de valorização das cotas, seja por crescimento orgânico ou por aquisições;
  • Estimativa de ganho de 10% ao ano apenas em rendimentos. Além da valorização das cotas.

Você deseja saber qual é O Trade do Faraó?

É aí que nós entramos…

A Empiricus tem uma série focada nos melhores FIIs do mercado.

Naturalmente, O Trade do Faraó é o principal Fundo Imobiliário recomendado. Inclusive, estamos preparando um relatório inteiramente dedicado a esta oportunidade, detalhando o racional do case.

Meu nome é Daniel Malheiros, sou o novo responsável pela série de Fundos Imobiliários da Empiricus.

Sou formado em administração de empresas, com MBA em finanças pela USP e possuo certificação CFA charterholder. Possuo mais de 13 anos de experiência no mercado financeiro, dos quais 6 anos me dediquei somente ao setor imobiliário.

Também tive passagens profissionais por corretoras, bancos, Family Offices, gestora de recursos e empresas do setor imobiliário.

Minha missão na Empiricus é descobrir os melhores Fundos Imobiliários do mercado para ajudar os assinantes a investirem em imóveis da maneira mais inteligente e rentável possível.

Os assinantes da série terão acesso a um relatório semanal em que analisaremos o mercado de Fundos Imobiliários, os melhores FIIs disponíveis, uma carteira pronta para investir (incluindo o Trade do Faraó), assim como seu desempenho atualizado.

De forma geral, nossa carteira de Fundos Imobiliários terá entre 5 e 10 bons fundos com yield global não menor do que 9% ao ano.

Ou seja, praticamente o TRIPLO da média de um aluguel tradicional, sem abrir mão de qualidadediversificaçãodiligência.


Falando em ganhos, veja o comparativo de rentabilidade da nossa carteira de Fundos de Investimento…

Ao analisar o desempenho em comparação à Bolsa, de janeiro a junho desde ano, nos destacamos.

Nossa carteira contabiliza um ganho de +7,4%, enquanto o Ibovespa (índice de ações) entregou 5,07%.

*Dados referentes ao período 1o de janeiro a 30 de junho de 2017.

Outro motivo de orgulho é a satisfação dos nossos assinantes…

Sempre investi em imóveis físicos, mas depois que li os relatórios indicando os melhores Fundos Imobiliários do país, vendi os apartamentos que tinha e comecei a ganhar com FIIs. Gostaria de ter conhecido a série antes. Nos Fundos Imobiliários não existe a dor de cabeça de lidar com inquilinos e imobiliárias.
Carlos K.

Carlos, separe uma parte do salário para o Trade do Faraó. Seus ganhos podem ser substanciais, como mostra a assinante Tatiana…

Escrevo para agradecer. Em menos de 1 ano, ganhei mais de 20% com a valorização das cotas, e olha que nem estou contabilizando os rendimentos mensais.
Tatiana D.

E o melhor é que para ganhar com imóveis, você não precisa desembolsar uma grande quantia. Você pode investor no Trade do Faraó com cerca de R$ 100.

Tinha muita vontade de investir em imóveis, mas com um salário de R$ 5 mil não conseguia juntar os recursos necessários. Tudo mudou quando descobri a série de Fundos Imobiliários da Empiricus. Invisto em 5 FIIs e adoro receber os aluguéis todos os meses na minha conta.
Cristiano G.

Espero que um dos seus FIIs seja o Trade do Faraó, Cristiano. Se não for, invista agora mesmo, você não irá se arrepender.

A série Fundos de Investimentos é mesmo rentável e nossos leitores estão satisfeitos.

Mas como fazer para também ser assinante? É caro?

De jeito nenhum. O valor da assinatura anual é de 12 parcelas de R$ 16. Mas você não pagará este valor.

Para conhecer o Trade do Faraó e investir conforme a Tríade da Riqueza, você pagará apenas 12x de R$ 12,90.

Pagando à vista no cartão de crédito, ainda terá 5% de desconto adicionais.

Tem mais….

A série se paga em pouquíssimo tempo.

A carteira Fundos Imobiliários já rendeu +7,4% de janeiro a junho de 2017. Uma média de ganhos de 1,23% ao mês.

Pense no seguinte…

Considerando a rentabilidade até aqui, se você tivesse investido R$ 10 mil na carteira recomendada, pagaria com os lucros um ano inteiro de assinatura, em aproximadamente 1 mês.

Também podemos colocar de outra maneira…

Pagaria a assinatura vitalícia (onde você recebe os relatórios por toda a vida), com a rentabilidade de 6 meses. De novo, apenas com os lucros. O restante dos ganhos seria todo seu dali em diante.

Vamos relembrar por que você deve assinar a série Fundos Imobiliários.

  • O governo iniciou o ciclo de queda da taxa de juros Selic;
  • Historicamente, Fundos Imobiliários se valorizam com a queda da Selic;
  • Existe um FII que tem tudo para subir ainda mais, o Trade do Faraó;
  • Investir em FII é mais vantajoso que comprar um imóvel físico por seguir os conceitos da Tríade da Riqueza: liquidez, segurança e rentabilidade;
  • E os benefícios dos FIIs não param por aí Baixo risco de entrada, praticidade, transparência, diversificação, vantagem tributária, gestão profissional;
  • Investindo no Trade do Faraó, você pode ganhar duas vezes (rendimentos mensais e valorização das cotas);
  • A rentabilidade média dos FIIs é maior que a do índice Ibovespa;
  • Porém existem alguns cuidados que deve tomar para maximizar a rentabilidade;
  • A Empiricus tem uma série focada em FIIs;
  • Histórico de rentabilidade da série Fundos Imobiliários é ótimo, +7,4% de jan/jun 2017;
  • Os assinantes estão satisfeitos;
  • Preparamos uma condição especial para você assinar a série e conhecer o Trade do Faraó;
  • A série se paga em pouco tempo.

Agora que você tem motivos de sobra, não fique parado igual uma múmia.

Nem seja o Quéops das Finanças.

Aproveite esta oportunidade para garantir sua assinatura e ser o Tutancâmon dos investimentos.

Invista no Trade do Faraó e aumente as chances de potencializar seu patrimônio e até mesmo de suas futuras gerações.

 

Três anos para você lucrar o máximo

Temos 20 analistas líderes em performance, 100% dedicados a levar até o leitor as principais ideias de investimento.
Mas essas ideias só funcionam integralmente se você consegue casar com elas – ou seja, carregá-las durante prazos relevantes.
Pensando nisso, fizemos uma pesquisa amostral junto à nossa base de leitores, formada desde a fundação da Empiricus, em 2009.
Os resultados dessa pesquisa podem ser resumidos em uma importante conclusão:
Os maiores ganhos são obtidos por leitores que carregam as posições recomendadas por três anos ou mais.
Nada impede que você faça trades de um mês ou de um ano; essa decisão cabe exclusivamente a você, de forma autônoma.
Estamos apenas informando, com base na pesquisa, que a persistência costuma ser muito bem recompensada pelo mercado.
Quanto mais você sustenta suas convicções de investimento, menores os custos, menores os riscos e maior o retorno final.
De forma a incentivar o alinhamento temporal mais lucrativo para nossos leitores, os analistas da Empiricus atropelaram o departamento de marketing e criaram um plano promocional.
Convencidos do ganha-ganha, os sócios Caio, Felipe e Rodolfo assinaram embaixo.
Decidimos por garantir o Acesso Vitalício a esta e outras séries da Empiricus pelo preço equivalente a apenas três anos de assinatura.
Não estamos fazendo caridade.
Como somos analistas independentes, o seu melhor interesse é também nosso melhor interesse.
Lucramos na exata medida em que nossos leitores lucram.

 

Compromisso Empiricus registrado em cartório

CLÁUSULA DE CONFIANÇA 100%

Apesar de todas as vantagens já implícitas no material, a oferta em questão não perde a prerrogativa da Cláusula de Confiança Empiricus registrada em cartório: caso você não goste do conteúdo, pode cancelar a assinatura nos primeiros 20 dias com reembolso de 100% do valor pago.

Isso mesmo: você terá acesso imediato a todo o material do plano e ainda garantirá a possibilidade de cancelar posteriormente, recebendo o seu dinheiro de volta.

Para exercer seu direito, basta entrar em contato com a nossa Central de Atendimento, através do telefone 4003-5130 (custo de ligação local) e o processo é executado automaticamente. Limitado a 3 cancelamentos por assinante em um prazo de 12 meses.

 

Um abraço,
Daniel Malheiros.

 

Informações Importantes:

Os conteúdos da Empiricus visam informar o seu destinatário sobre matérias relacionadas a economia, finanças e investimentos. A Empiricus se exime de qualquer responsabilidade sobre eventuais prejuízos que o destinatário de seus conteúdos tiver em decorrência da sua tomada de decisão. Embora a Empiricus forneça informações sobre investimentos, fundamentadas sob avaliação criteriosa, não se pode antecipar comportamentos. Padrões, histórico e análise de retornos passados não garantem rentabilidade futura. Todo investimento financeiro, em maior ou menor grau, embute riscos que podem ser mitigados mas não eliminados. A Empiricus alerta para que nunca sejam alocados em renda variável aqueles recursos destinados a despesas imediatas ou de emergência, bem como valores que comprometam o patrimônio do assinante. A Empiricus é uma publicadora de conteúdos, totalmente dissociada do sistema de distribuição de valores mobiliários, e, por conseguinte, não obtém nenhum tipo de receita advinda de comissões, corretagens ou emolumentos sobre montantes eventualmente aplicados. A Empiricus zela pelo direito de privacidade dos seus leitores.


A Empiricus foi fundada em 2009 com um objetivo: levar conteúdos financeiros independentes
e de qualidade para a pessoa física.

Hoje, nossa equipe conta com mais de 200 colaboradores.
Afinal, somos uma empresa de pessoas e produzir conteúdo relevante para a sua vida financeira não é tarefa fácil.

Mas a Empiricus não é apenas a sua equipe, somos os mais de 180 mil assinantes das publicações.
Para conhecer algumas dessas histórias, acesse https://www.empiricus.com.br/depoimentos

Se quiser saber mais sobre a Empiricus, acesse nosso site em www.empiricus.com.br ou envie um email para relacionamento@empiricus.com.br.

A Empiricus apoia

 

Uma empresa associada à Agora Companies


Maior grupo de publicações financeiras do mundo, com mais de 2.700.000 assinantes

Empiricus
CNPJ 11.431.155/0001-07
Copyright © 2009 – 2019

Av. Brigadeiro Faria Lima, 3.477
Torre B - 10º Andar
CEP 04538-133 - Itaim Bibi - São Paulo

Relacionamento com o assinante
Telefone(s): 4003-3117 | 4003-3118
(ligação local)